Ed. Faro

[Resenha] O Corvo

10/15/2021


Livro: O Corvo
Autor: Edgar Allan Poe
Editora: Faro Editorial
Páginas: 96
Ano: 2020
Comprar: Físico

Publicado pela primeira vez em 1845, "O Corvo" é um poema construído de 108 versos divididos em 18 estrofes. Foi traduzido diversas vezes para o português e tive o prazer de ler a tradução feita pela editora Faro Editorial, uma edição bilíngue e ilustrada.

O poema tem como tema principal e história de um homem que acabou de perder sua amada e está em conflito sobre aceitar ou não a morte dela. Carregado pelo luto, ele irá se deparar com a entrada de um o corvo que ficará parado em um busto de Atena e ao começar a indagar o animal, o mesmo apenas o responde com "nunca mais". Indagações essas que o deprecia e estimula seu sentimento de perda da amada. 

É perceptível três momentos durante a leitura, o sentimento de perda, demonstrado pela tristeza, posteriormente a angustia por "nunca mais" tê-la e por fim, a sensação de derrota pelo luto, transformado em loucura.

As ilustrações complementam toda a tristeza, angustia e perda do narrador. E enriquece o livro, tornando a edição muito bem elaborada, como disse é uma edição bilíngue, a tradutora tentou deixar menos informal e conseguiu um ótimo resultado, conseguimos partilhar dos sentimentos do narrador.

É uma leitura rápida que dá para se fazer em menos de 30 minutos, mas fica a dica, é uma leitura triste e angustiante quando você se envolve com o personagem, porém é uma obra que eu recomendo e que a muito tempo queria ter feito a leitura, mas valeu muito a pena expressa.

Sinopse: Escrito há quase duzentos anos, esse poema atravessa gerações e continua sendo um marco da literatura mundial. Imprescindível para todos os apaixonados por literatura, O Corvo é considerada a obra-prima de Edgar Allan Poe. Mesmo tendo escrito diversos livros e contos, nenhuma outra história atraiu tantos leitores e tamanho respeito pela crítica especializada. Um homem atormentado pela morte da amada é despertado pelo barulho incessante de um corvo e a trama que se desenrola no poema demonstra tanto a genialidade do autor quanto os demônios que ele carregava. Dizem que a vida imita a arte, mas nesse caso, a arte imitou a vida. O Corvo foi publicado dois anos após a morte precoce da esposa de Poe. E, como muitas vezes acontece, o autor não teve tempo para ver o sucesso de sua obra. Morreu na miséria e sem saber que seu corvo atormentaria muitas outras almas mesmo anos depois de sua morte.

Gratuito na Amazon - Entre Amores e Desamores

10/12/2021

 


De 12 a 14 de Outubro o e-book "Entre Amores e Desamores" estará gratuito na Amazon.
Acesse o link (AQUI) e baixe o seu.


Sinopse: "Entre Amores e Desamores" é uma história de amor e desilusões.Prestes a completar seus 40 anos, Samantha Dias, uma autora Best-Seller, resolve escrever um livro contando sobre os amores e desamores da sua vida, desde a adolescência, bem como é viver dentro de uma mente que prega peças nela a todo momento.
Bem vindos ao seu mundo.

Esse livro traz vários gatilhos psicológicos. Não recomendado para menores de 18 anos por conter cenas de automutilação, violência, sexo e drogas.

Séries

[Série] Fear The Walking Dead

10/10/2021

Como não é novidade mas relembrando...

Ano passado assistir a série The Walking Dead e seus derivados, dentre eles temos Fear The Walking Dead, que estreou em 2015 e dia 17 de outubro de 2021 dará inicio a sua 7º Temporada e ainda não sabemos se será a última para finalizar juntamente com a série principal ou se ela irá continuar.

Particularmente, acredito que deveria finalizar, pois já deu. Adore The Walking Dead, sua história seus personagens e com Fear não é diferente, mas ambas é sempre mais do mesmo. Isso não significa que vou deixar de assistir, claro que não. Mas sabe quando chega a hora de é realmente tá bom finalizar??

Fear começa sua história em Los Angeles, no inicio do apocalipse Zumbi e conta a história de uma família que precisa se unir para sobreviver. A premissa inicial é essa e vão sendo inseridos novos personagens no decorrer a história. Sempre as pessoas boas tendo que lhe dar com as pessoas más e os zumbis.

É uma série que vale a pena você acompanhar caso você acompanhe a série principal. Estou ansiosa para a continuação.


Do que se trata? (Sinopse da 1º Temporada)

A série se inicia seguindo uma família com um cotidiano simples e uma rotina diária, vivendo normalmente em Los Angeles. Composta pela conselheira escolar, Madison Clark, seu marido professor de inglês, Travis Manawa, sua filha, Alicia, e seu filho viciado em drogas, Nick, a família tem sua paz destruída quando um estranho vírus começa a circular pelo mundo. Ao tentarem fugir, eles esbarram com novas pessoas e novas famílias formando um grupo, enquanto a Guarda Nacional tenta tomar as ordens e os impedir de escapar.

São 6 temporadas e a quantidade de episódios variam. A 7º temporada irá estrear ainda esse mês.

Conheça alguns personagens dos poucos personagens que iniciou a série:

Alicia Clark


Madison Clark


Nick Clark


Victor Strand


Ofelia Salazar


Daniel Salazar


HALLOWEEN KILLS: O TERROR CONTINUA APRESENTA FIGURINOS VINTAGE E IDÊNTICOS AOS FILMES ANTERIORES DA FRANQUIA

10/08/2021

 


O longa de terror estrelado por Jamie Lee Curtis, chega aos cinemas brasileiros em 14 de outubro


Halloween Kills: O Terror Continua estreia em 14 de outubro nos cinemas de todo o Brasil e apresenta mais um capítulo para os fãs de uma das maiores franquias de terror do mundo. O filme começa onde Halloween, de 2018, terminou, e a figurinista Emily Gunshor, que retorna à produção, enfrentou um grande desafio; colocar todos os personagens com os mesmos trajes de antes, já que a história se passa em apenas uma noite.

 

A figurinista e sua equipe tiveram que ser criativos para garantir várias versões de cada visual, enquanto acompanham com muita atenção o cronograma de filmagens para garantir a continuidade das sequências. “Era preciso ter várias versões de cada traje - muitas vezes com o personagem à espera de ser atacado ou ferido”, comenta Emily. Foi necessário criar seis ou sete variações do mesmo visual para os personagens, e como alguns itens eram vintage, foi preciso confeccioná-los ou reaproveitá-los para que todas as versões ficassem idêntica.

 

“Como há tão poucas mudanças, cada traje precisava atender a vários propósitos - não apenas dar vida aos personagens, mas também se encaixar na coreografia dos dublês, mostrar o sangue e ajudar a contar a história com um visual adequado. O set mais problemático foi o do hospital, porque o espaço era apertado, e havia muitos personagens, um verdadeiro caos. A cena pedia camisolas de hospital, trajes cirúrgicos, roupas de pacientes, médicos e enfermeiros. Como as paredes são de cor neutra, eu queria fornecer uma textura realista e uma sensação vibrante. Brincamos com diferentes cores nos trajes cirúrgicos e usamos algumas peças do guarda-roupa remanescentes de Halloween para vestir os visitantes da noite anterior à chegada ao hospital. Também vestimos as enfermeiras de branco, como uma homenagem ao filme de 1978”, explica Emily Gunshor.

 

Halloween Kills: O Terror Continua é estrelado por Jamie Lee Curtis, Judy Greer e Andi Matichak e estreia nos cinemas brasileiros em 14 de outubro.



Sobre o filme

Universal Pictures, Miramax, Blumhouse Productions e Trancas International Films apresentam Halloween Kills: O Terror Continua, coestrelado por Will Patton como o oficial Frank Hawkins, Thomas Mann (Kong: Ilha da Caveira) e Anthony Michael Hall (Batman: O Cavaleiro das Trevas).

 

Da equipe de cineastas responsável pelo fenômeno global de 2018, Halloween Kills: O Terror Continua foi escrito por Scott Teems (Rectify da SundanceTV) e Danny McBride e David Gordon Green baseado em personagens criados por John Carpenter e Debra Hill. O filme é dirigido por David Gordon Green e produzido por Malek Akkad, Jason Blum e Bill Block. Os produtores executivos são John Carpenter, Jamie Lee Curtis, Danny McBride, David Gordon Green e Ryan Freimann.

Festiva CineRio

10/08/2021

 Primeira edição do Festiva CineRio deseja aproximar o público do estratégico e sofisticado “bastidor” profissional do cinema. Festival exibirá gratuitamente sucessos nacionais seguidos de mesas com especialistas e representantes de grandes distribuidoras como Downtown Filmes, Paris Filmes e Galeria Distribuidora

 

Com transmissão online, evento gratuito acontece dias 16 e 17 de outubro com programação diversa e com o objetivo de promover uma reflexão sobre o mercado atual de cinema no Brasil

 


O cinema para além do que se vê. A primeira edição do Festiva CineRio, que acontece nos dias 16 e 17 de outubro (sábado e domingo), chega com uma nova proposta: unir público e mercado. Entre exibições de grandes sucessos nacionais, seguidos de debates com importantes distribuidoras, responsáveis por levar os títulos às salas. Democratizar o acesso à arte e atrair tanto cinéfilos quanto novos públicos, formando plateias, também passa por mostrar todo o processo que acontece antes de um filme ser exibido – da criação do roteiro à logística de entrega das obras. Sobretudo em tempos de tantos desafios para o setor, se faz ainda mais necessário o Festiva CineRio, expondo processos de distribuição e promovendo conversas entre o próprio setor para se buscar convergências de ideias e soluções.

“A sétima arte possui uma magia que encanta a todos. A grande maioria das pessoas só é apresentada ao produto final exibido nas salas de cinema. Antes disso, existe uma infinidade de pessoas, aparelhos, tecnologias, locações e muito mais”, diz Amanda Lima, idealizadora do festival ao lado de Mônica Varella. “O Festiva CineRio é um projeto moderno que junta numa mesa virtual representantes do mercado de distribuição dos filmes nacionais para trazer ao público detalhes e informações curiosas de como funciona a sofisticada “engrenagem” deste mercado, que a grande maioria nem sequer imagina ou tem contato”, complementa Mônica.

Nos dois dias de festival a proposta é discutir, informar e avaliar assuntos pertinentes ao cinema atual. Um dos objetivos é promover o desenvolvimento e a difusão de produções nacionais. Durante o evento, serão exibidos de forma gratuita os longas-metragens “Fala Sério, Mãe!” (Distribuidora: Downtown Filmes), “De Pernas pro Ar 3” (Distribuidora: Paris Filmes), “Cinderela Pop” (Distribuidora: Galeria Distribuidora) e “Todas as Canções de Amor” (Distribuidora: Galeria Distribuidora). Os filmes serão exibidos online, pelo Vimeo. O público interessado fará um cadastro na página https://festivacinerio.espacoz.com.br/ e receberá um e-mail com o acesso ao conteúdo gratuito do Festiva.

Entre os dois filmes de cada dia haverá uma mesa virtual, com a mediação da jornalista, apresentadora e redatora com mais de 24 anos em cinema, Renata Boldrini, com participações de especialistas e representantes das Distribuidoras para debater as necessidades da sociedade moderna atual, a diversidade, a singularidade, a inovação e de como o mercado se adequa a este cenário. Entre os especialistas, estão confirmados o jornalista e pesquisador Pedro Butcher, além da presença cativa da Filme B, maior portal sobre mercado de cinema no Brasil, através do diretor Paulo Sérgio Almeida, e o editor Fabiano Ristow. A cada encontro virtual, representantes das mais importantes distribuidoras, como Downtown Filmes e Galeria Distribuidora, contribuirão com o ponto de vista do fazedor e articulador nos debate sobre temas como “A indústria do audiovisual no pós pandemia”; “Campeão de crítica ou campeão de bilheteria”, “Quais os caminho do filme até a Distribuição?”; “Como as Distribuidoras selecionam os filmes para investir?”, entre outros. O evento contará com intérpretes de Libras.

O Festiva CineRio conta com o patrocínio do Governo Federal, Governo do Estado do Rio de Janeiro e Secretaria de Estado de Cultura e Economia Criativa, através da Lei Aldir Blanc, idealização e produção da AR2 Produções e Mônica Varella Produção, coordenação e realização da Espaço/Z, com apoio da Downtown Filmes, Paris Filmes, Galeria Distribuidora, Telecine e MNiemeyer.

PROGRAMAÇÃO:

16/10 – Sábado

14h – Filme da 1ª Sessão

Fala Sério, Mãe! (Distribuidora: Downtown Filmes)

17h – Mesa Virtual

Renata Boldrini (Jornalista / Mediadora)
Pedro Butcher (Crítico)
Bianca Raggio (Diretora de Marketing da Downtown Filmes)
Paulo Sérgio Almeida (Diretor Filme B)

19h – Filme da 2ª Sessão

De Pernas pro Ar 3 (Distribuidora: Paris Filmes)

17/10 – Domingo

14h – Filme da 1ª Sessão

Cinderela Pop (Distribuidora: Galeria Distribuidora)

17h – Mesa Virtual

Renata Boldrini (Jornalista / Mediadora)
Pedro Butcher (Crítico)
Gabriel Gurman (CEO da Galeria Distribuidora)
Fabiano Ristow (Editor Filme B)

19h – Filme da 2ª Sessão

Todas as Canções de Amor (Distribuidora: Galeria Distribuidora)

Filmes:

Plataforma do Vímeo. O público interessado deverá fazer um cadastro na página https://festivacinerio.espacoz.com.br/ e receberá um e-mail com o acesso ao conteúdo gratuito do Festival. Para assistir os filmes é obrigatório realizar o cadastro.

Mesa virtual:

Na Plataforma do YouTube. Além do público receber o link após o cadastro, o link também estará disponível na bio da página no Instagram.





COORDENAÇÃO PRODUÇÃO: ESPAÇO/Z

A Espaço/Z é uma agência plena de Marketing, que tem como core business trabalhar a comunicação de seus clientes com o público final por meio da promoção de entretenimento, com forte atuação no mercado de cinema no Brasil. A empresa assina a criação de materiais de divulgação e de estratégias promocionais das principais produções nacionais, internacionais e de festivais de cinema, realizados no país. Muito mais do que uma agência de marketing e comunicação, a Espaço/Z se consolidou, há mais de 30 anos, como um autêntico player do mercado cinematográfico e de entretenimento, não apenas participando mas também fomentando essa indústria. Com o aval de produtores, distribuidores e exibidores, é uma agência brasileira especializada em entretenimento, seja executando estratégias de comunicação para os grandes lançamentos ou com projetos de relevância para o mercado como um todo. Algumas ações para evidenciar o alcance da empresa no mercado cinematográfico: “Show de Inverno” - Campos do Jordão (2009 a 2019); “Festival Internacional de Cinema Infantil” (2009 a 2012), “Festival CineMúsica de Conservatória” (2008 a 2010); “Circuito Cultural Eu Vivo Cinema Pan-Americano" 2007 (único evento cultural na agenda da prefeitura na ocasião); “Festival do Rio” (2007 a 2009); ”Grande Prêmio do Cinema Brasileiro” (2009 a 2016); “Quadrilátero do Charme”, em Ipanema. Além disso, idealiza e produz promoções e ativações de experiências, como campanha de marketing que envolvia a recreação com personagens de “Angry Birds 2 – O Filme” em hotel no nordeste; rapel de Convergente e simulador de voo de “Star Trek”, Dia Mundial de” Os Smurfs 2” no Pão de Açúcar; ação social de limpeza de oceano de “Aquaman”; ativação de mídia com bicicletas temáticas no Parque Ibirapuera para o filme “Os Incríveis 2”; coletiva de imprensa de “De Pernas pro Ar 3”; Junket de “MIB 3”, no Copacabana Palace; Pré-estreia de “Turbo”, no Autódromo de Interlagos de SP; evento de lançamento da nova temporada da série “Westworld”, do canal HBO; pré-estreias no Brasil de “Homem-Aranha de Volta ao Lar” e de “Anabelle 3 – De volta pra casa”; exposição de figurinos de “Bohemian Rhapsody”, em POA; produção e exposição da estátuas do Freddie Mercury na fachada do Cinema Roxy e de Homem Aranha em diversos cinemas Rio-SP; entre inúmeros trabalhos para lançamentos nacionais e estrangeiros.



DIREÇÃO DE PRODUÇÃO: MÔNICA VARELLA

Formada em jornalismo, atua no mercado de produção cultural há 18 anos. Trabalhou em mais de 40 peças, dentre elas podemos citar “Turandot 2002 ”; “Os Pescadores de Pérolas”; “Longa Jornada de Um Dia Noite Adentro”, de Eugene O’Neil, “Aurora da Minha Vida”, com Sérgio Britto e Cleyde Yáconis, no CCBB RJ, DF e SP e Festival de Curitiba; “La Boheme“; Centenário do Theatro Municipal do Rio de Janeiro; “O Bem do Mar” - musical Antonio De Bonis e Douglas Dwight; “Marlene Dietrich – As Pernas do Século”, de Aimar Labaki, direção de William Pereira; “A Eva Futura”, adaptação e direção de Denise Bandeira com Pedro Paulo Rangel, Larissa Maciel e Bruno Ferrari; Lago dos Cisnes e a digitalização da Coleção “O Malho”. Produziu por cinco edições o Show de Inverno, evento para patrocinadores, distribuidores e exibidores de Cinema, em Campos do Jordão. Assina a Direção de Produção do evento “Grande Prêmio do Cinema Brasileiro”, desde 2014 até o ano atual.



PRODUÇÃO EXECUTIVA: AMANDA LIMA

Formada em Produção Executiva em Cinema e TV - FGV. Produtora do curta-metragem "Aquela Vizinha Desapareceu", contemplado do Edital da SECEC-RJ. Na TV Globo, produziu os Teasers/Aberturas das novelas “Amor de Mãe”; “Salve-se Quem Puder”; “Hebe”; “Órfãos da Terra”; “Aruanas”; “Mister Brau”; “Tempo de Amar” e outros. Produziu a chamada de fim de ano da TV Globo de 2016 a 2019. Ganhou o “Prêmio Melhor Produtor no Festival Brasil de Cinema Internacional” pelo curta-metragem “Bodas”, com Othon Bastos. Produtora do Show de Inverno, evento para patrocinadores, distribuidores e exibidores de Cinema. Assina a Produção Executiva do “Grande Prêmio do Cinema Brasileiro” por oito anos. No teatro esteve na produção da peça “Coisas que a gente não vê”, contemplada com o Prêmio Zilka Salaberry de Melhor Texto e Atriz. Realizou a produção das peças “Gota D’água”, “Comédia Russa”, “Jumbo – eu visito a tua ausência”, ”O Retorno ao Deserto”, entre outras.