[Resenha] A Casa das Marés

9/24/2021



Livro: A Casa das Marés
Autora: Jojo Moyes
Páginas: 384
Ano: 2017
Comprar: Físico

O livro "A Casa das Marés" é dividido em três partes. Na primeira parte conheceremos Lottie e Celia duas jovens criadas como irmãs que ao saberem que a Casa Arcárdia tinha novos moradores decidem ir juntas ver de quem se trata, elas acabaram fazendo amizade com Adeline e os artistas que vivem com ela, com o tempo a casa será conhecida como a casa da artista. Mas nesse meio tempo, quando a mãe de Celia descobre que ela esteva amiga dessas pessoas, envia Celia para Londres e Lottie acaba ficando e ainda escondido visitando Adeline. 

Lottie receberá uma carta de Celia contando a ela que está apaixonada por um rapaz que conheceu Guy e que em breve irá visitá-los, até que chega o dia de receber Celia que leva Guy com ela, ele encantará toda a família e na breve troca de olhar Lottie se apaixonará por ele. 
E é partir desse momento que a história irá se desenrolar, é um bom romance, talvez um pouco clichê, mas é gostoso de se ler, faz com que nos aproximemos dos personagens e torcemos para um final feliz. 

O livro faz com que tenhamos a visão dos diversos personagens da história, começa com o passado e traz para o presente de forma que nenhum  personagem se perde e todos se conectam. 
É um romance que fala sobre amizade, amor, perda, decepções e que mostra como de fato é a vida, mostra que as escolhas só dependem de nós. E que a felicidade nem sempre é aquilo que você tanto deseja. 

É um bom romance e vale muito a pena ser lido. Esse foi a segunda obra escrita pela Jojo e difere bastante das atuais obras escrita por dela, achei o enredo mais lento, mais pausado, mas que ao mesmo tempo instiga a nossa curiosidade com o que acontecerá a cada personagem. É uma leitura envolvente.

Sinopse: Uma história que atravessa décadas e gerações para mostrar que nunca é tarde demais para nos descobrir e correr atrás dos nossos sonhos.
Na década de 1950, Merham não passava de uma cidadezinha litorânea como tantas outras: pacata, tradicional e obcecada pelas aparências. Os homens cuidavam do comércio, as mulheres cuidavam dos filhos e todos tomavam conta da vida dos outros. Até que um boêmio grupo de artistas estrangeiros se muda para a Casa Arcádia, uma bela construção art déco à beira-mar. Ao contrário dos demais habitantes, que logo veem os artistas com maus olhos, temerosos de que possam destruir a boa reputação da cidade, Lottie Swift e Celia Holden não conseguem esconder o interesse pelos novos residentes.
Cinquenta anos mais tarde, quando o passado já parece enterrado e esquecido, a Casa Arcádia é vendida para um empresário que pretende transformá-la em um refúgio de luxo planejado pela arquiteta Daisy Parsons, que chega a Merham para reconstruir não só a casa, mas sua própria vida. Porém, assim como antes, o prenúncio de mudança revolta os moradores, dispostos a tudo para inviabilizar o projeto.
Repleto de encontros emocionantes e segredos revelados, A casa das marés é uma leitura deliciosa e romântica que explora as dinâmicas familiares, antigos amores e traições.

0 comentários

Obrigada pela sua visita!
Volte Sempre!