[Resenha] Terra Faminta

10/02/2021


Livro: Terra Faminta
Autor: Andrew Michael Hurley
Editora: Intrínseca
Páginas: 240
Ano: 2021
Comprar: Físico

Em "Terra Faminta" conheceremos a história de Richard e sua família, logo após ele perder a mãe, ele e sua esposa Juliette, decidem se mudar para Starve Acre que um local onde seu filho Ewan poderia crescer feliz, ter uma vida de liberdade por viver num campo, ter pais atenciosos e amorosos, porém, as coisas não ocorrem como Juliette e Richard haviam previsto.

" - O que você procura e o que você acha nem sempre são a mesma coisa."

De repente, seu filhinho de 5 anos, tornou-se uma criança agressiva e fora do controle. Ao ponto da própria mãe temê-lo e o pai cético, não querer ver os sinais a sua frente. Algo aconteceu em Starve Acre no passado, mas ninguém sabe explicar ao certo o que foi, alguns como Richard acredita que é apenas lendas, histórias para fazer as pessoas terem medo, mas seu amigo Gordon, não pensa assim e teme o que pode acontecer com seu amigo.

Richard começa a querer buscar respostas mas ainda continua cético as coisas que estão na sua cara, Juliette terá a ajuda de Gordon que trará os "Faróis" para a sua casa e irão ter uma sessão espiritual, na tentativa de Juliette superar os acontecimentos, mas algo acontece e as coisas tendem a desandar.

"O que Ewan tinha sido não precisava determinar o que ele viria a se tornar."

Não irei falar mais sobre a história porque o interessante desse livro é suspense e a curiosidade que ele dá a nós leitor. Confesso que fiquei instigada com a história e curiosa para saber o que de fato aconteceu e o que iria acontecer com esse casal, fiquei instigada a continuar a leitura, mas aí que está, quanto mais eu lia, mas vontade de continuar eu tinha e menos páginas teriam para ler e eu via que o livro estava chegando ao final e a história não estava chegando ao fim. 

Pelo que eu sei, o livro não possui continuação e o final não me agradou, fiquei bem frustrada. É meu primeiro contato com o autor e achei sua escrita estimulante, mas o livro em si deixou a desejar. Não espere uma história de terror, porque o terror dele para mim foi leve. Mais é cheio de mistério e suspense. 

No geral é uma história interessante, mas que poderia ter sido melhor. 


Sinopse: Novo livro do vencedor do Costa Book Awards une drama familiar e fantasia em intrigante terror psicológico.
Quando o filho de cinco anos de Juliette e Richard morre de repente após cometer uma série de atos inexplicáveis de violência ― instigado, segundo ele, por uma voz misteriosa ―, o mundo dos dois desmorona. Seis meses depois, Juliette se recusa a sair de casa e passa os dias fazendo gravações no quarto do filho, esperando conseguir provas de que ele continua lá. Enquanto isso, Richard tenta ao máximo não pensar no menino e volta a atenção para o terreno do outro lado da rua, o qual escava pacientemente, em busca de fragmentos de um carvalho lendário.Assombrados por um presente doloroso e uma expectativa interrompida de futuro, os dois são confrontados pela estranheza e pela solidão de um lugar agora tomado pelo sofrimento. De um lado, o luto deixa cada vez mais clara a distância que os separa; de outro, eles buscam desesperadamente uma ponta de esperança ― apenas para desenterrar um profundo terror.
Com a incrível habilidade de criar um mundo definido pelo bizarro, em Terra faminta Andrew Michael Hurley entrelaça com perfeição a selvageria da natureza e descrições capazes de evocar horror. Nesta narrativa inquietante, o sobrenatural e a vida cotidiana se confundem, criando um retrato assustador do que acontece no limiar entre a dor e a sanidade. A obra chega ao Brasil em edição de luxo, com ilustrações exclusivas do artista alagoano Midrusa e capa dura.

0 comentários

Obrigada pela sua visita!
Volte Sempre!